Matéria do portal G1/PA — Simplesmente brilhante!

…….

Em ‘Êxtase’, fotógrafo mistura imagens de fiéis católicos e umbandistas.

Mostra integra o Arte Pará 2012, e fica em cartaz até 11 de dezembro.

Fotografias foram capturadas em procissões católicas e em cultos de religiões afro-brasileiras. (Foto: Divulgação/Guy Veloso)

O fotógrafo Guy Veloso, convidado do 31º Salão Arte Pará, apresenta individual de 13 fotografias  na Galeria Fidanza, do Museu de Arte Sacra, em cartaz até dia 11 de dezembro. A curadoria é de Paulo Herkenhoff e Armando Queiroz.

“Êxtase” reúne imagens analógicas captadas entre 2009 e 2012, em procissões católicas e também em cultos de matriz africana, como umbanda, candomblé e tambor de minas. Postas lado a lado, o teor das fotografias é indistinto: o que se vê são devotos tomados pela fé. “Não usei legendas, então as imagens se misturam, não dá para distinguir o que é retrato de uma religião ou de outra. Elas se encontram na transcendência”, diz o fotógrafo a respeito do seu primeiro trabalho realizado inteiramente em Belém, e a primeira série produzida por Guy após  expor na 29ª Bienal de São Paulo em 2010, uma das maiores mostras de arte do mundo.

“Em 2004 o historiador e fotógrafo Michel Pinho me levou para fotografar um terreiro com a anuência do sacerdote. Desde aquele dia vislumbrei em fazer um estudo com as religiões afrodescendentes, o que poderia ser um dia exibido lado a lado aos tantos outros ritos que já documentava dentro do cristianismo”, diz o fotógrafo.

Sem legendas, as imagens superam rótulos religiosos. (Foto: Divulgação/Guy Veloso)

Sobre o artista
Guy Veloso, artista convidado do Arte Pará 2012, nasceu em Belém, é formado em Direito e tem fotos em acervos de museus e galerias nacionais e internacionais, como a Essex Collection of Art from Latin America, Colchester-Inglaterra; Centro Português de Fotografia, Porto-Portugal; Coleção Joaquim Paiva/MAM-RJ; MAM/SP e Pirelli-MASP.

Serviço:
31 ° Arte Pará apresenta a exposição “Êxtase”, de Guy Veloso, em cartaz até 11 de dezembro, de 10 às 18 horas, de terça a domingo, na Galeria Augusto Fidanza – Museu de Arte Sacra, localizado na Praça Frei Caetano Brandão. Entrada franca.